• slidebg1

O Espectáculo


Sinopse


Num dia normal da biblioteca, um investigador descobre uma palavra desaparecida desde os tempos dos afonsinhos: ACHIMPA.
Todos a usam mas não sabem como.

Será que a Dª Zulmira conhece esta palavra?
Um espectáculo divertido, dinâmico, onde o público é chamado a brincar com as palavras.

Ficha Técnica / Artística


Autoria: Catarina Sobral
Ilustração: Catarina Sobral
Adaptação: Fernando Cunha
Interpretação e Encenação: Ângela Ribeiro e Fernando Cunha
Marionetas: Pedro Garcia

Cenografia: Ana Pinto e Carlos Martins
Carpintaria: Fernando Cunha
Costureira: Manuela Pais
Música: Norma Carvalho
Desenho de luz: Carlos Martins

Técnico luz/som: Carlos Martins
Design gráfico/web: Norma Carvalho
Fotografia e vídeo: Ricardo Reis
Produção: Valdevinos Associação Cultural

Técnica
actores e manipulação directa

Classificação Etária
Maiores de 3 anos

Duração
45 minutos

Sobre a autora do livro

Catarina Sobral

Catarina Sobral nasceu em Coimbra em 1985.

Licenciou-se em Design na Universidade de Aveiro e concluiu mais tarde um mestrado na área de Ilustração na Escola Superior de Educação e Ciências de Lisboa. Frequentou a Faculdade de Belas Artes da Universidade de Barcelona, em regime de Erasmus.

Aos 26 anos publicou o primeiro livro, Greve, que recebeu uma Menção Especial no Prémio Nacional de Ilustração referente ao ano de 2011. O livro seguinte é igualmente destacado: Achimpa (2012) venceu o Prémio AmadoraBD para Melhor Ilustração de Livro Infantil e o Prémio SPA para Melhor Livro Infantojuvenil. É, contudo, com O Meu Avô (2014) que o seu trabalho é pela primeira vez projetado internacionalmente: o livro dá-lhe a vencer o Prémio International Award for Illustration, distinguindo-a como a melhor ilustradora para a infância com menos de 35 anos, na Feira do Livro Infantil de Bolonha em 2014.

Catarina Sobral alterna a publicação de livros com colaborações esporádicas com diversas editoras, revistas e jornais.

Galeria

Achimpa

Eventos

Aqui pode consultar os Eventos agendados dos Valdevinos. Pode também ver os eventos agendados na Casa da Marioneta. A Casa da Marioneta abriu portas no dia 13 de Março de 2015 em Agualva. A programação cultural e educativa é promovida pela companhia Valdevinos Teatro de Marionetas.

VALDEVINOS Teatro de Marionetas

CASA DA MARIONETA

Valdevinos Teatro de Marionetas

Breve Historial

Apesar das novas tecnologias se imporem à velocidade de uma estrela cadente, nada sobrepõe o imaginário de uma criança. E é para elas, as crianças que, há dezoito anos lhes dedicamos o nosso trabalho. Em Sintra começámos e em Sintra continuamos, onde a realidade urbana e rural se tocam e se tornam um desafio aliciante. As memórias são muitas, já lá vão trinta e oito produções e um espólo de duzentas e cinquenta marionetas, mas olhamos o presente com a mesma persistência e paixão com que apresentámos em 1998, a primeira produção, “O lorpa” de António Pedro.

Ao longo destes anos, partilhados com muitos companheiros e apoiados por aqueles que acreditam em nós, estes Valdevinos têm seguido um percurso natural, aprendendo, ensinando, divertindo... levámos a cena muitos textos, alguns originais, outros tantos de autores portugueses como António Pedro, António Torrado, Jorge Salgueiro, José Gomes Ferreira, Alice Vieira, José Jorge Letria, Luis Vaz de Camões, Margarida Botelho e ainda uma mão cheia de clássicos da literatura infantil, Charles Perrault, Irmãos Grimm ou Miguel Cervantes.

Procuramos abordar diversas temáticas e técnicas, utilizar vários materiais, acolher todas as ideias e gostamos de levar o nosso teatro a todos os lugares, não só em sítios fixos, mas sobretudo em regime de itinerância em escolas, bibliotecas, praias, feiras ou locais que, pela sua especificidade, se adequem ao espirito mágico que o espectáculo de marionetas, sem dúvida, tem capacidade de propor, valorizando e fomentando o gosto por esta arte.

Em Março 2015 inaugurámos a Casa da Marioneta de Sintra. Este espaço promove uma maior ligação à comunidade, ao universo temático (sensibilização ambiental, gosto pelo livro e leitura, entre outros) e ao espólio da companhia, através de actividades programadas, de carácter pedagógico e lúdico, dirigidas a públicos diversos. Pretendemos desenvolver o gosto e o respeito por esta arte, criando experiências gratificantes que fomentem visitas regulares, numa perspectiva de educação não-formal, que contribuam para a valorização do património cultural e integração social.

Contactos

Fale connosco! Os nossos contactos estão em baixo. Se nos quiser visitar, venha à Casa da Marioneta, que é onde passamos grande parte dos dias. Teremos muito gosto em recebê-lo.

CASA DA MARIONETA
Jardim da Anta / Agualva-Cacém / Sintra
CP (Cacém) + VIMECA (112/126)
CP (Cacém + 15’’ (a pé)
38°46'28.3"N 9°17'09.2"W

(+351) 21 432 11 01
(+351) 93 328 02 58
(+351) 96 320 73 25



Apoios

© 2018 Valdevinos Teatro de Marionetas. Todos os direitos reservados.